ECON_FB_PeddyPaper04_FB_600x600 ECON_FB_PeddyPaper05_FB1_600x600 ECON_FB_PeddyPaper06_FB1_600x600 ECON_FB_PeddyPaper07_FB1_600x600

Gosta de literatura, de viajar e precisa de espairecer?

Esta Primavera ofereça-se uma experiência diferente! A nossa proposta é um evento de turismo cultural, uma viagem literária no tempo. Em 2012, levámos Gonçalo M. Tavares a um memorável seminário presencial em Évora. Este ano, os escritores Miguel Real, João Tordo e Luís Carmelo irão dar continuidade a esse momento, participando num evento cultural singular na cidade alentejana. O passeio literário acontecerá, entre os dias 13 e 15 de junho, pelas ruas de Évora. Colaboram neste evento o Évora Inn Guest House, o Centro Nacional de Cultura (CNC), a livraria Fonte de Letras e alunos do Curso de Teatro da Universidade de Évora. Eça de Queirós, Florbela Espanca, Ibn´Abdún al-Yaburí, Fernão Lopes, Bernardim Ribeiro, António Ribeiro Chiado, Gil Vicente, Luís de Camões, Vergílio Ferreira, Urbano Tavares Rodrigues, José Saramago e António Lobo Antunes são alguns dos autores inscritos nas histórias da cidade. Venha partilhar uns dias na nossa companhia!

Evora_Itin_Literario

Esta iniciativa alia a dimensão lúdica à pesquisa literária no terreno. Um fim de semana único e inspirador! O “Peddy-paper” literário promovido pela EC.ON corresponde a um itinerário que percorre as casas de escritores (Eça de Queirós, Vergílio Ferreira, Florbela Espanca, entre outros), os espaços ligados a escritores (Gil Vicente, Bernardim Ribeiro, Fernão Lopes, etc.), personagens de obras literários (Manuelinho e Vasco da Gama são bons exemplos) e ainda locais associados a obras literárias de renome. Entre muitas outras, referimos “Os Lusíadas” de Luís de Camões, “Corte na Aldeia” de Francisco Rodrigues Lobo, “Epanáforas” de D. Francisco Manuel de Mello ou “Auto dos Danados” de António Lobo Antunes). Estes percursos são marcados por pequenas encenações e performances de actores. Os participantes recebem ainda graciosamente uma pequena publicação, “Évora: Um Itinerário Literário”, com um conjunto de textos e passagens seleccionadas de autores sobre a cidade de Évora (também disponível através da Amazon para outros interessados, quer em versão papel, quer em versão para kindle)!

Diga presente a esta viagem ao passado! Marque encontro connosco e encontre-se!

 

 

Programa:
SEXTA-FEIRA – DIA 13 DE JUNHO (Tarde/ Noite)
20.00h. Jantar e Encontro de Boas-vindas
Sugestão – 22.00h: Dança com Clara Andermatt (junto ao Templo romano).

SÁBADO, DIA 14 DE JUNHO (manhã)
Início: Porta do Jardim Público – (Francisco Rodrigues Lobo, Corte na Aldeia) – busto de Florbela – Rua da República – Escadas – Rua Diogo Cão 30(3ª residência/1917 e 40 (colégio/1916) – (Livraria Fonte de letras) – Rua de Burgos (tipógrafos alemães – Cervantes – Bernardim Ribeiro – Leitura inicial de Menina e Moça) –Largo de Santiago (residência Filipe de Soure / Alexandre Herculano) – Largo Luís Camões 39 (a partir de 1913 – Évora) – Rua de Avis, 5 e 61 (a partir de 1908 e O Distrito de Évora, Eça de Queiroz) – Rua do Cano (Aqueduto – Lusíadas – Sempre Noiva) – Rua da Mouraria (Ibn ´Abdún al –Yaburí) –Biblioteca Pública de Évora (recepção directora – primeiras leituras de Florbela, desobstrução do Templo /Herculano e obra de Cenáculo).

SÁBADO, DIA 14 DE JUNHO (tarde)
Início: Claustros principais da Universidade (evocações de Vergílio Ferreira, Florbela e Molina) – trajecto parcial da Aparição (pela Freiria de cima) – Porta da Traição (Fernão Lopes, Crónica de D. João I) – Jardim Diana (Mário Ventura, Os dias da Guerra) – Sé (Fernão Lopes, Almeida Faria, Urbano e leitura de excerto de Portugal de Miguel Torga) – Casas pintadas (Vasco da Gama / Fórum Eugénio de Almeida) – Banco de Portugal (descida – leitura de excerto de Carta ao Futuro de Vergílio Ferreira) –Praça Primeiro de Maio (polémica das mancebias e evocação de Gil Vicente) – Capela dos Ossos (O Primo Basílio de Eça de Queiroz) – mercado (António Ribeiro Chiado – evocação final do dia).

SÁBADO (NOITE/ OPTATIVO)
Évora Mágica com o arqueólogo Takis.

DOMINGO, DIA 15 DE JUNHO (manhã)
Início: Ruínas do Convento de S.Domingos: elogio do vinho (Festas Bachanaes de Manoel do Valle, Bartholomeu Varella, Luís Vasconcellos e Manoel Luiz, 1589) – Adro do Teatro Garcia de Resende (Évora Património da Humanidade de José Saramago) – casa de Eça de Queirós (texto do mercado) – Praça do Giraldo (evocações de Miguel Torga, 1946/ D. Francisco Manuel de Mello, 1660 e Estâncias de Arte e Saudade de Fialho de Almeida, 1921) – Rua Serpa Pinto (Júlio Dantas, A cidade dos Conventos) – Largo das Alterações (Manuelinho de Évora/ Herculano) – muralhas (invasões Francesas/ Cenáculo) – Judiaria (Margarida Pedrosa / astrólogo Abraão Zacuto) – casa de Vergílio Ferreira (evocação)– casa de Garcia de Resende– Final: Largo da Misericórdia (Estâncias de Arte e Saudade de Fialho de Almeida, 1921; leitura de ‘Évora a partir do Alto de S.Bento’).

DOMINGO, DIA 15 DE JUNHO (tarde, 15 horas, Clube Círculo Eborense)
Sessão de Encerramento no espaço oitocentista “Clube Círculo Eborense”, com a presença dos escritores Miguel Real, João Tordo e Luís Carmelo. Tema: “Geografias, imaginários e literatura”.

Sobre os Autores:
João Tordo é escritor, argumentista, cronista e formador em workshops de ficção. Formou-se em Filosofia e estudou Jornalismo e Escrita Criativa. Até à data, publicou sete romances: “O Livro dos Homens Sem Luz” (2004), “Hotel Memória” (2007), “As Três Vidas” (2009), “O Bom Inverno” (2010), “Anatomia dos Mártires” (2011), “O Ano Sabático” (2013) e, mais recentemente, “Biografia Involuntária dos Amantes” (2014). Foi agraciado com o Prémio Jose Saramago em 2009. Venceu, ainda, o prémio Jovens Criadores em 2001 e foi finalista dos prémios Portugal Telecom, Fernando Namora, Melhor Livro de Ficção Narrativa da SPA e do Prémio Literário Europeu. Miguel Real é escritor, crítico literário e ensaísta. É um dos mais respeitados críticos literários em Portugal, colaborando presentemente com o Jornal de Letras, Artes e Ideias. Enquanto romancista, conquistou o Prémio Literário Fernando Namora com a obra “A Voz da Terra” (2006). O autor estreara-se no romance com o livro “O Outro e o Mesmo” (1979) que lhe viria a valer o Prémio Revelação de Ficção APE. Em 1995, com o livro “Portugal – Ser e Representação” venceria o mesmo Prémio Revelação APE, mas na secção de Ensaio Literário. Encontra-se traduzido em diversos países, incluindo França, Itália e Brasil. Luís Carmelo é escritor e ensaísta. Doutorado pela Universidade de Utreque (Holanda), é autor de uma obra extensa que atravessa áreas como a comunicacional, a semiótica e a literária. Entre as suas obras, na área do romance, destacam-se “No Princípio era Veneza” (1990), “A Falha” (1998), “O Trevo de Abel” (2001), “E Deus Pegou-me pela Cintura” (2007) e “A Dobra do Crioulinho” (2013). No campo do ensaio, a sua publicação mais recente é o livro “Genealogias da Cultura” (2013). Venceu o Prémio de Ensaio da APE em 1988.

Evento Facebook:
https://www.facebook.com/events/475460235910195/

 

Modalidades de Propina:
(A) Inscrição integral (Hotel+PA/2 noites, 4 refeições e propina)……………………….. 265,00€
(B) Inscrição Acompanhantes (Hotel+PA/2 noites/partilha de quarto, 4 refeições e propina)……115,00€
(C) Inscrição sem hotel (4 refeições e propina)…………………………………………………..165,00€
(D) Inscrições sem hotel nem refeições (propina)………………………………………………..128,00€
– Pack familiar. 2 Adultos e crianças, tudo incluído (190,00€ por pessoa adulta; quarto partilhado)
– 2 Pessoas, tudo incluído (190,00€ por pessoa; quarto partilhado)
– Grupos de três ou mais pessoas. Condições especiais sob consulta.

 

Atenção: Até ao fim de maio, uma inscrição no Peddy-Paper inclui um bónus: uma inscrição de Propina A inclui uma FEL – Frequência Experimental gratuita, num curso à escolha leccionado por Luís Carmelo. Adicionalmente a viagem até Évora é oferecida a quem viaje através da CP e que adquira o bilhete entre entre 26/05 e 5/6. Contacte-nos e aproveite estas ofertas.